Terça-feira, 30 de Junho de 2009

É preciso ter Fé… Afinal, alguma coisa boa se vai fazendo…

 

Foi com agrado que participei na caminhada ocorrida no passado fim-de-semana, intitulada “Pelos Trilhos da Fé” e organizada pelo Municipio de Manteigas.

Até que enfim… Não podia ter vindo na melhor altura. Tempos são estes, de uma certa perturbação social e económica, onde a esperança e a confiança teimam em não regressar aos valores que, em outros tempos, nos animavam o dia-a-dia. Talvez a maior parte dos participantes, não encarasse este aconteciemento como uma manisfestação de Fé, mas sim, como uma oportunidade de gastar algumas calorias e disfrutar das magnificas paisagens da nossa amada Serra. No entanto tenho quase a certeza que todos nós, a qualquer momento do trajecto, não deixamos de glorificar o Todo Poderoso, pelas maravilhas que Ele fez… Tenho também a certeza que quase todos, mais no fim da caminhada, pediram a Deus para apressar a meta final, pois os Km foram muitos. Por cumes e vales e entre trilhos pouco dados a humanos, lá fomos nós por sitios mais acostumados á passagem de Caprinos e Bovinos. Depois de subidas e descidas, tendo pelo meio de um reforço magestoso no Covão de Santa Maria, era de esperar ter um reconfortante almoço no Covão da Ponte. Parece que para a maioria dos partecipantes, ficou um pouco aquém das expectactativas… Valeu o saboroso melão acompanhado de um igualmente agradavél nectar dos deuses. Bem… Parabéns pelo esforço da organização, pois como o povo costuma dizer “o que é dado, é agradecido…” ou então “quem dá o que tem, a mais não é obrigado…”

Espero que não seja este o ultimo passeio do género este ano, e que os nossos governantes olhem para estes eventos, como uma mais-valia para o Concelho, para a Serra e no fundo para todos nós.

Não se deve dizer só o que está menos bem, há que louvar o que de bom se faz, contribuindo assim para a construção de uma melhor sociedade civil e demonstrando aos nossos politicos que quando querem também sabem fazer coisas boas…

Agradecido pela oportunidade de tão agradavél experiência, depeço-me com um abraço de amizade.

O Serrano O Serrano

Manteigas, 29.Junho.2009

sinto-me:
publicado por desabafosserranos às 17:05
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 23 de Junho de 2009

SARAU 09 … O costume…

Mais uma se realizou o encontro dos “Estudantes” de Manteigas, que como já é habitual, (in)felizmente, se realizou no Pavilhão Gimno-desportivo cá da terra. Digo infelizmente porque, cada vez que nos reunimos naquele espaço, apertado, abafado e escurecido, vem-nos à memória, o antigo Campo da Festas, que para estes inventos estava, com a devida distância no tempo, minimamente apetrechado…

Bem, como o Passado não volta atrás, falemos do Presente e do Futuro. A festa do ponto de vista artístico, até correu bem, muito pela qualidade dos Jovens intervenientes. Do ponto de vista organizacional, digamos… para ser simpático … satisfez pouco… a roçar o insuficiente.
Não compreendo, porque continuam a manter o mesmo tipo de apresentação e de condições para as crianças. Em qualquer tipo de organização, os erros ocorridos num ano, seriam corrigidos no ano seguinte… penso eu!!!
Aqui não, apenas alteram a disposição das peças, mantendo os aspectos mais importantes. Passo a justificar:
- Em primeiro lugar, porque marcam o espectáculo para uma hora e depois mantêm as pessoas na entrada mais de meia hora, até abrirem as portas?
- Porque mantêm tudo no quase escuro, quando se sabe que ao entrar, depois de se vir da luz, as pessoas têm dificuldade em ver o caminho?
- Porque mantêm a ideia de que, a festa é para os que estão na bancada e não para as crianças/jovens intervenientes, mantendo a rede a separar os que estão a actuar dos outros, impedindo-os de gozar também do espectáculo, que é de todos e para todos?
- Porque que não havendo grande condições acústicas, insistem em manter o som demasiado alto, sendo que na maior parte das músicas preferido o alto volume de som em detrimento da qualidade das mesmas?
- Porque sabendo do pouco aregamento do eficicio, mantêm a serapilheira a tapar a janelas e não arranjam uma solução alternativa de ventilação?
Quando penso nisso, vem uma nostalgia: Abençoado o velhinho Campo da Festas… O que Tu foste e no que Te tornaram… O cheiro a Sardinha e a Carne assada… O coscuvilhar das pessoas que não interferia com espetáculo… O verde do relvado, os balouços, o carrossel, o AR puro… Quantas saudades…
Bem, resta-me a esperança de que um dia, alguém tenha a feliz ideia de “ressuscitar” o referido Parque. Talvez agora com a chegada das Novas Escolhas, se acendam os artoches das promessas eleitorais, e assim se faça a diferença para não haver enganos no contar dos “dedos”…
Um abraço amigo

O Serrano      Manteigas, 20.Junho.2009

sinto-me:
publicado por desabafosserranos às 09:19
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

.A minha terra...

.Paraísos da Serra...

.desabafos recentes

. Estou Furioso...

. Bate(m) leve, levemente… ...

. Manteigas quis, a mudança...

. Solidariedade…de quem e p...

. Até que enfim…vamos lá ve...

.Arquivo de Prateleira

. Dezembro 2010

. Dezembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Junho 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Abril 2008

. Fevereiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

.Atalhos interessantes

.Filmes a não perder